Hotel para cães ou Pet Sitter?


Depois de muito tempo você planejou suas férias, definiu o destino, equilibrou o orçamento, sincronizou com as férias das crianças (ou do cônjuge ou dos dois), reservou passagens aéreas, parte terrestre, hotéis, roteiros, tudo certinho… mas… o que fazer com a parte da família que não poderá seguir viagem com vocês? Estou me referindo ao(s) seu(s) pet(s). O que é melhor, deixar em um hotel para cães ou contratar uma Pet Sitter?

 

Vantagens do(a) Pet Sitter

Pet Sitter é uma espécie de baby sitter que cuidará do seu pet aí mesmo na sua residência.

O simples fato de se afastar de você já é uma tragédia para o seu pet. Normalmente, nas hospedagens especializadas, os pets ficam estressados, tristes, não comem e chegam até a adoecer… Nada melhor para um pet do que mantê-lo em seu território e cheiros habituais, seus potinhos de alimentação, seus brinquedos, sua caminha e seus hábitos sanitários. Isso proporciona segurança, felicidade e consolo ao seu bichinho de estimação tão querido.

A hospedagem no domicílio, para os especialistas em animais de estimação, é a melhor escolha para eles. Não precisando sair do seu meio habitual os animais não sofrem alterações de comportamento e stress, além de não se exporem a doenças e parasitas. O seu regime alimentar é seguido normalmente como todos os dias, sem alterações, evitando assim problemas gástricos, entre outros.

Pet SitterChicó e Mini Mi são irmãos. Ele tem 3 anos e joga futebol; ela tem 8 meses e prefere dançar. Chicó come de tudo. Mini Mi é mais exigente: dispensa morangos e prefere ameixas importadas. Também não bebe água comum, só água de coco. E gelada. A “mãe”, Deise de Oliveira, não gosta de deixá-los sozinhos e, quando sai, online casino recorre à baby-sitter, ou melhor, pet-sitter. Rossana Paiva é a babá que, em geral, visita a casa duas vezes por semana, por cerca de uma hora. Quando Deise viaja, as visitas se tornam diárias. Rossana limpa a área onde os cães dormem, dá comida, joga bola com Chicó, dança com Mini Mi. E ainda transmite as fotos e vídeos que faz do casal de yorkshire.

 

Vantagens do Hotel para Cães e Gatos

Se você não pode contar com uma Pet Sitter, e não tem com quem deixar o seu pet, o hotel para cães e gatos é a solução. Ficam aqui algumas dicas:

Não existem certificações que atestem a qualidade e confiabilidade dos estabelecimentos que oferecem hospedagem para animais de estimação, mas todos os hotéis para cachorro são obrigados a ter um veterinário responsável pelo local. Além disso, a empresa deve ser registrada no Conselho de Medicina Veterinária da região onde fica. O primeiro passo para escolher um hotel é visitar o local com seu pet e observar.

Converse bastante e observe as atitudes com os outros hóspedes. Analise como é a relação dos outros “hóspedes” com o responsável pelos animais e vice-versa. Verifique se os pets pedem carinho, se ficam felizes ao vê-lo. É claro que alguns cães são mais tímidos e não se aproximam do cuidador, mas isto tem de ser exceção. Se a maioria dos cães se comportar desta forma, pode haver algo errado.

Hotel para cãesProcure saber também como será a rotina dos animais hospedados, se eles ficam trancados, se fazem atividades físicas, se os cães são separados de acordo com o porte, se os canis são termicamente confortáveis, como é o acesso do animal à água, se o local faz uma hospedagem profissional ou se é apenas mais uma das atividades que a empresa oferece, se exigem vacinação e anti-pulgas dos animais. Observe também como estão os hóspedes no local e procure conversar com pessoas que já utilizaram o serviço.

O ideal é deixar em hotéis com profissionais especializados, com diversão, obediência, adestramento, exercícios, passeios diferentes, e que alguém supervisione seu pet 24 horas por dia. É importante lembrar, mesmo que ele fique com outros animais, o atendimento deve ser individual, satisfazendo as necessidades dele no momento da ausência de vocês.

Deixe seu comentário!